Em busca de seus objetivos! Essa foi uma frase que ficou martelando na minha cabeça durante um tempo. Primeiro por que eu nem sabia muito bem quais eram os meus objetivos, segundo porque eu não conseguia encontrar um caminho para buscar a realização deles.

Eu percebo que essas duas situações são bastante comuns entre as pessoas com quem eu converso. Por vezes, as pessoas até tem objetivos, mas não são claros ou não buscam uma visão de longo prazo.

Mesmo tendo os objetivos claros para si, é possível que você esteja indo contra a sua busca. Suas ações no dia a dia não estão de acordo com aquilo que você deseja alcançar e isso faz com que você fique cada vez mais distante.

Então, vamos falar sobre 4 sinais de que você não está em busca de seus objetivos. E, se você conhece algum amigo(a) que também se interessa por esse conteúdo, compartilha nas suas redes sociais.
>> Compartilhe no Facebook
>> Compartilhe no Twitter
>> Compartilhe no Google+

1. Você não tem um plano de curto, médio e longo prazo.

Eu falo isso para todo mundo, é necessário ter um plano com uma visão menor e uma visão ampla. Eu aprendi isso com o livro Vida Organizada (clique aqui se quiser comprar) do blog da Thais Godinho. O livro fala sobre organização, mas ela dedica um capítulo em especial para falar sobre metas de vida e passa alguns exercícios de como você deve pensar para ter planos de curto, médio e longo prazo.

“Mas para que pensar dessa forma, Paula?”. Eu te respondo: Quando temos apenas planos de curto prazo vivemos de uma forma muito rasa, sem perspectivas de futuro. Já quando temos apenas planos de longo prazo, deixamos de praticar diariamente tarefas que vão nos alavancar para aquilo que planejamos para o futuro.

Vou dar um exemplo rápido sobre um dos meus objetivos de vida.
– Longo prazo: Até 2025, eu vou viajar para pelo menos 3 países diferentes.
– Médio prazo: Guardar e investir uma quantia de dinheiro por mês até eu ter o valor completo para realizar a primeira viagem, e depois recomeçar a guardar dinheiro novamente para as próximas.
– Curto prazo: Definir os países para onde vou viajar de acordo com o meu orçamento que terei em até 3 anos.

2. Você não passa da fase do planejamento

Ok, você fez o seu plano de curto, médio e longo prazo e agora não sai do papel? Gastar seu tempo fazendo o planejamento e depois não colocar nenhuma ação dele em prática é um dos principais sinais de que você não está indo em busca de seus objetivos.

Seja realista quando for criar o seu plano de objetivos. Estabeleça ações que são possíveis de serem realizadas por você. Tenha consciência de qual a sua realidade atual.

Uma dica: Quando eu fiz o meu plano de objetivos, eu me “obriguei” a ler a minha lista todos os dias durante um mês. Assim, eu fui internalizando aquelas palavras na minha mente e tornando-as verdadeiras, o que me motivou a colocar em prática.

✉ RECEBA NOSSO CONTEÚDO. É DE GRAÇA!

… coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

3. Você não vive os seus objetivos, e sim os dos outros

Exemplo bem típico aqui é quando seus pais tem grandes objetivos para a sua vida e você vive a base deles. Se você realmente aderir à esses objetivos e compartilha do desejo de alcançá-los, sem problemas. Mas se isso não é algo que você deseja, você não está indo em busca de seus objetivos.

Eu dei um exemplo dos pais, mas pode ser qualquer outra pessoa. Pode ser até o seu trabalho. Cada empresa tem objetivos próprios, e você deve se perguntar de que forma a empresa colabora para a realização de seus objetivos pessoais.

Ter clareza de seu plano de objetivos ajuda muito a saber onde você está pisando e de que forma está indo pelo caminho certo.

4. Você não compartilha seus sonhos

Se você tem os seus objetivos e sonhos e guarda-os apenas com você a 7 chaves, você está fazendo isso errado.

É muito importante você compartilhar seus objetivos e sonhos com outras pessoas de sua confiança. Trocar ideias e experiências, pedir conselhos ou auxilio.

Uma vez eu assistir um TED que falava sobre um estudo com dois grupos de pessoas. O primeiro grupo teve que compartilhar seus objetivos com os participantes do estudo, já o segundo grupo não precisou compartilhar e guardou para si. Depois de 45 minutos, todos foram convidados a começar a colocar em prática um dos seus objetivos. Resultado? O grupo que teve que compartilhar considerou que alcançar o resultado estava próximo, enquanto o outro grupo acreditava que ainda tinha um longo percurso a percorrer. Se você quiser assistir o TED, veja o vídeo logo abaixo.

 

 

Isso nos leva a pensar sobre aquele ditado “Quem caminha sozinho pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado com certeza vai mais longe”. Então, busque por pessoas que possam te acompanhar em sua caminhada e compartilhe aquilo que deseja.

Resumindo… Se você não tem um plano de curto, médio e longo prazo, você precisa começar a construir o seu. Procure na internet, existem diversos métodos que podem te ajudar a realizar essa tarefa. Segundo, saia do papel e inicie as suas ações para fazer os seus compromissos de vida se tornarem realidade. Viva os seus objetivos, tenha clareza de quais são e saiba de que forma você está tendo atitudes que te alavanque. E por último, compartilhe seus sonhos com pessoas que podem ajudar você na sua trajetória.

Colocando em prática, você estará cada vez mais próximo(a) da busca de seus objetivos. E você, o que faz para estar em busca de seus objetivos? Tem alguma dica bacana para compartilhar? Todo mundo tem um pouco mais para aprender, inclusive eu! Então deixa seu comentário sobre o tema, ok?